Documentário “Na Linha de Frente” do Cofen vence premiação internacional da OMS

Festival de filmes "Saúde Para Todos" recebeu quase 800 submissões de filmes de 106 países

06.06.2023

Cofen concorreu com 16 produções de diversos países como Canadá, Alemanha, Guatemala

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) foi um dos grandes vencedores da 4ª edição do Festival de Filmes Saúde Para Todos, promovido pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O documentário “Na Linha de Frente” mostra a dura realidade enfrentada pela Enfermagem no combate à covid-19 e foi premiado como o trabalho visual na categoria “Emergências de Saúde”.

A premiação aconteceu nesta terça-feira (6/6) em Genebra, na Suíça, e recebeu quase 800 submissões de 106 países sobre temas que vão desde a pandemia até mudanças climáticas, meio ambiente e direito das mulheres. Cerca de 90 filmes foram escolhidos para a lista final de análise de um júri de artistas internacionais e líderes de desenvolvimento. A categoria vencida pelo Cofen, uma das três principais da premiação, contou com uma seleção de 16 produções de diversos países,como Canadá, Alemanha, Guatemala, Índia, África do Sul e Ucrânia.

A presidente do Conselho Federal, Betânia Santos, participou virtualmente da cerimônia. Em seu discurso de entrega do troféu, relembrou os difíceis momentos vividos pela Enfermagem e a luta por valorização da categoria no Brasil. “Este prêmio é o reconhecimento do nosso protagonismo. A pandemia mostrou a importância da categoria e impulsionou nossa luta por valorização e pela aprovação de uma Lei que estabelece pela primeira vez no Brasil o Piso Salarial para toda a categoria. A todos aqueles que nos assistem, de onde estiverem: Nos valorizem, pois sem Enfermagem não se faz saúde”.

Betânia Santos também destacou a importância dos investimentos na saúde e nos trabalhadores do setor. “O documentário passa uma importante e poderosa mensagem de que investir na saúde e nos profissionais do setor é uma necessidade urgente, que deve ser prioridade em qualquer sociedade. Somente assim, poderemos construir sistemas de saúde resilientes e capazes de enfrentar desafios futuros, promovendo a equidade e proporcionando saúde para todos os cidadãos”, frisou.

Presidente do Cofen relembrou difíceis momentos vividos pela Enfermagem e a luta por valorização

Para Neyson Freire, assessor chefe da comunicação do Cofen, a vitória reflete o comprometimento e a seriedade do Cofen com a valorização da Enfermagem.”Estou muito feliz com este importante reconhecimento. Esta é a prova de que o documentário foi um trabalho de qualidade que deu visibilidade às situações precárias enfrentadas pelos profissionais de Enfermagem no Brasil durante a pandemia. O Cofen lutou por melhores condições de trabalho e nossa equipe de comunicação esteve dentro dos hospitais para dar voz às dores e às dificuldades vividas diariamente pela categoria“, ressaltou.

No total, foram premiados filmes em seis categorias. O júri incluiu os atores e especialistas seniores da OMS Sharon Stone e Alfonso Herrera, a coreógrafa de dança Sherrie Silver, a ativista climática Sophia Kianni, a personalidade da mídia Adelle Onyango e demais colegas das Nações Unidas, como Melissa Fleming, subsecretária-geral da ONU, e Tlaleng Mofokeng, relatora Especial das Nações Unidas para o Direito à Saúde.

Compartilhe

Outros Artigos

Receba nossas novidades! Cadastre-se.


Fale Conosco

 

Conselho Regional de Enfermagem de Rondônia

Rua Marechal Deodoro, 2621 - Centro, Porto Velho - RO, 76801-106

(69) 99936-2716

gabinetecorenro@gmail.com


Horário de atendimento ao público

08h - 17h

Loading...